Aprenda como iniciar uma atividade física de maneira correta e saudável

Inicio > Beleza & Saúde > Aprenda como iniciar uma atividade física de maneira correta e saudável    
24/05/2011

Hoje em dia é comum ver academias lotadas de pessoas em busca de um corpo mais bonito e saudável. Porém, é preciso tomar cuidado com aquele desejo de conseguir resultados da noite para o dia. Exercícios praticados incorretamente e sem acompanhamento de um profissional podem gerar lesões e dores musculares. É necessário ouvir a opinião do médico e de um profissional de educação física antes de iniciar as práticas esportivas para saber qual a melhor forma de trazer benefícios ao seu corpo e organismo, sem cometer abusos.

 Quais os objetivos em se fazer uma avaliação antes de começar a atividade física? Como ela é feita? Qual o treino ideal para cada um? Quais cuidados devem ser tomados? Para saber e entender um pouco mais sobre o assunto,entrevistamos o personal trainer Carlos Klein, da equipe Movimente-se (www.movimente-se.com

 Confira abaixo:

 

1.       Qual é o primeiro passo para quem deseja iniciar uma atividade física?

 

O primeiro passo para o aluno que vai começar a atividade física é procurar um médico, fazer os exames necessários para saber se está apto. É a partir dessa avaliação que a pessoa fica liberada ou não para as práticas esportivas.

 

2.       Após receber atestado médico para iniciar a prática física, quais são os próximos passos?

 

O aluno deverá procurar um profissional de educação física, personal trainer ou instrutor da academia, para desenvolver um programa indicado às suas necessidades, condicionamento físico atual e histórico. Eu tenho como característica realizar uma avaliação funcional do movimento, que considero fundamental, que envolve agachamentos, movimentos de empurrar e puxar, equilíbrio estático e dinâmico entre outros, com os quais consigo identificar desequilíbrios musculares, que definem o trabalho a ser realizado para cada indivíduo. O instrutor precisa saber ainda o estilo de vida e a rotina do novo aluno: se trabalha em pé ou sentado, se tem algum hobby, se é uma pessoa estressada. Após essa conversa, deve-se realizar medidas objetivas do aluno, como peso, altura, medidas do corpo, percentual de gordura etc. Logo após, o iniciante deverá realizar ainda testes físicos para saber como está o condicionamento físico na parte cardiovascular, neuromuscular e flexibilidade.

 

3. Qual a importância de todas estas etapas de avaliação?

Todo esse conjunto de avaliações é fundamental para o início da prática de atividade física de maneira correta. Baseado nesta análise postural, de como o aluno se movimenta, pode-se perceber quais os músculos estão encurtados e quais estão alongados e, assim, elaborar um trabalho específico para cada pessoa. Muitas vezes, o aluno acredita que ele precisa se adequar aos exercícios e equipamentos da academia, mas é exatamente o contrário. É preciso adequar os exercícios e equipamentos à necessidade particular de cada um, respeitando os seus limites sempre para que a atividade física seja prazerosa, traga resultados e não danos.

 

4. Qual o tempo mínimo que um iniciante deve reservar para praticar a atividade física?

Costumo dizer que ao iniciar uma atividade física menos é mais. É necessário começar devagar. O ideal para quem está iniciando a prática de atividades físicas é dedicar-se duas vezes por semana, durante 40 minutos a 1 hora. Não adianta começar de uma vez, pegando cargas pesadas e abusando nos exercícios aeróbicos. Cada um tem que saber respeitar o período de adaptação e o próprio limite do seu corpo para, futuramente, ter um melhor resultado e atingir o objetivo proposto com saúde e segurança. Se as pessoas se esforçarem muito no começo, vão acabar sofrendo lesões, o que resultará no distanciamento da academia e na suspensão da atividade.

 

5. Qual é o treino sugerido para quem vai iniciar as atividades?

Primeiramente, o importante é começar com exercícios que possam corrigir os pequenos problemas de postura, alongamento e flexibilidade. Corrigindo isso, é possível iniciar um trabalho mais voltado para a conquista do objetivo de cada aluno. Se a intenção é perder peso, o ideal é um treino de alto gasto calórico. Quanto mais exaustivo, mais gordura irá queimar. Para quem quer ganhar músculo, o ideal é um treino voltado para a hipertrofia muscular, fazendo séries de exercícios com cargas mais pesadas. É importante sempre mudar a intensidade dos exercícios para o corpo não se acostumar e, assim,  responder de uma forma mais rápida. Em ambos os casos, uma alimentação balanceada é imprescindível para alcançar os objetivos.

 

Perfil

Graduado em Administração de Empresas pela Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP) e em Educação Física pela Faculdade Metropolitanas Unidas (FMU), Carlos atua como Personal desde 2004. Dentro de sua metodologia de trabalho e orientação aos alunos, Carlos Klein desenvolve estratégias personalizadas para cada um de seus clientes, sem se prender às tendências de fitness, dietas mirabolantes ou modismos. Profissional atento às novidades que realmente tragam benefícios às pessoas durante e após a atividade física, o personal, dentro de sua filosofia de orientação, estimula os alunos a conhecerem seu próprio corpo, os vícios de postura, o ritmo e estilo de trabalho, entre outros fatores, para definição do treinamento e de sua evolução. 

Deixe um Comentário